Onça-pintada é flagrada capturando cãozinho de quintal e levando ele tranquilamente para a mata

Um vídeo surreal divulgado na semana passada que mostra uma onça-pintada levando um cãozinho em direção à mata viralizou nas redes sociais, intrigando os internautas.

Nas imagens, o felino é visto carregando pelo pescoço o cachorro da raça poodle. Uma pessoa grava tudo de longe em silêncio enquanto o bicho some de vista na vegetação. O fato aconteceu próximo a uma residência na Baía do Tamengo, em Corumbá (MS).

É possível escutar ao fundo outro cachorro latindo ‘em protesto’ pelo que estava acontecendo.

Leia também: Cãozinho que era colocado pra fora de casa toda noite porque ‘latia demais’ é acolhido por ONG

Um homem identificado como ‘Miranda’, da guarda municipal de trânsito de Corumbá, disse que em época de cheia do rio, a onça atravessa a morraria que separa campo e cidade para capturar animais – domésticos, incluso.

“Fica uns 300 metros aqui da beira do rio, é comum, não é a primeira vez que isso acontece. Quando o rio fica muito cheio elas não têm onde caçar, então elas vêm para cá, sobe a morraria, pega o animal e desce né… que aqui é uma área que fica próximo a mata, tem a morraria aqui, então elas ficam escondidas aqui no morro. Provavelmente [elas vêm] à procura de cães, tem muitos cães na rua aqui”, explicou o guarda, que mora nas proximidades de onde ocorreu a captura.

Miranda pretendia ir pescar no local, mas diante do que viu, acabou mudando de ideia. “Eu gosto de pescar ali, agora está cancelada a pescaria”, afirmou.

Um amigo do guarda enviou o vídeo para comunicar o fato, de modo a alertá-lo sobre os riscos de ir pescar na região. “É que ali é um lugar que gosto de pescar, num local conhecido como Santa, que passa atrás da prefeitura, um caminho que chega no rio. Esses animais são predadores por natureza e os cães são as presas mais fáceis”, disse Miranda.

Leia também: Cachorrinha de rua com tumor na calda passa por cirurgia gratuita e se recupera totalmente

Confira o vídeo abaixo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *