Veterinários retiram tumor de 2,5 kg que crescia na barriga de cadela sem-teto

Uma parte considerável dos animais que vivem em situação de rua desenvolvem doenças que podem ser fatais se não forem tratadas. A falta de higiene, dieta alimentar precária e total ausência de acompanhamento por parte de um humano são portas de entrada para enfermidades dolorosas e potencialmente crônicas.

No início desta semana, a ONG SOS 4 Patas, sediada no Paraná, resgatou uma cadela de rua que estava sofrendo com um tumor maligno enorme na região da barriga.

Leia também: Idoso carrega seu cachorrinho em bolsa enquanto vende vassouras na rua

A protuberância de 2,6 kg havia crescido a um nível tão assustador que chocou voluntários, cuidadores e veterinários da entidade.

“Pensem o quanto ela sofria com um tumor de 2.650 kg! 😭😭💔💔 Ela fez a cirurgia na Casa do Produtor. E segue seu pós no Pet Shop K8, seu exames estão péssimos, além dos problemas de pele”, lamentou a SOS 4 Patas em um post no Instagram.

Apesar do prognóstico ruim, o tumor foi retirado com sucesso e ela tem grandes de sobrevivência. De quebra, ela nunca mais será abandonada nas ruas novamente.

Leia também: Gatinho usa guarda-chuva sob medida para fazer caminhada durante dias chuvosos

Agora, a ONG pede doações para custear as despesas veterinárias envolvendo cirurgia e pós-operatório da cadela. “Precisamos de ajuda para pagar os gastos com as clínicas! Se não pode doar, compartilhe!”.

Você pode ajudar com suprimentos, informações ou doações clicando aqui.

“😮😮😢😢 obrigado por tudo que vcs fazem”, escreveu o @delegado.matheuslaiola na seção de comentários do post. “Vocês são enviados de Deus! 🙌🙌”, afirmou o @jpopacheco.

“Parabéns a vcs, pela dedicação e amor aos animais👏👏👏👏”, escreveu @rosildaeustaque. “Trabalho voluntários sensacional. Parabéns e desejo toda sorte de vida à cadelinha 🙌😍😍”, completou a @flavia_roters.

Confira o post na íntegra abaixo:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *