Cadela deficiente ganha cadeira de Legos feita por menino de 12 anos

Criar e cuidar de um cão com deficiência pode muitas vezes ser um desafio. Eles podem precisar de uma assistência adicional que os cães sem deficiência geralmente não precisam. No entanto, a recompensa de ver esses filhotes prosperar e aproveitar a vida, apesar de suas deficiências, é extremamente poderosa. cadela

Uma cadelinha sem patas dianteiras agora pode correr e brincar graças a um voluntário de 12 anos em um abrigo de animais que construiu para ela uma cadeira de rodas com Legos.

cadela

Leia também: Cão paralizado é salvo da eutanásia após descobrir que o motivo da doença era um carrapato

Gracie tem um ano e foi abandonada em uma clínica veterinária quando era ainda filhote. Ela estava coberta de vermes e não tinha pelos sob os olhos, nos pés e na cauda. Além disso, também estava perdendo as duas patas dianteiras devido a um problema de nascença.

O veterinário procurou um resgate local chamado Mostly Mutts Animal Rescue que levou Gracie para ajudá-la a encontrar um novo lar. A família Turley, que administra o abrigo, amava tanto Gracie que decidiram adotá-la para si.

Gracie conseguia pular usando as pernas traseiras, mas sua família queria um método de transporte mais sustentável para ela. Eles temiam que pular pudesse levar a consequências para a saúde mais tarde. Foi assim que eles pediram a ajuda de Dylan, de 12 anos, um voluntário no abrigo.

Como Gracie ainda era um filhote e continuaria a crescer, ela precisava de uma cadeira de rodas que fosse adaptável. Então Dylan construiu um modelo usando Legos no qual Gracie poderia ser inserida com velcro.

“Nas primeiras vezes, ela demorou alguns minutos para descobrir, mas acabamos pegando pedacinhos de cachorro-quente e quando ela os cheirou, ela saiu correndo”, disse Tammy ao portal The Dodo.

aaaaa

Leia também: Instituto Luisa Mell resgata cachorrinho de rua deficiente que foi abandonado nas ruas

Gracie rapidamente cresceu mais que a primeira cadeira, então Dylan construiu uma segunda que foi projetada para levantá-la mais. Mas eles perceberam que ela precisava de um com rodas maiores, então ele fez uma terceira versão.

Agora Gracie tem um ano de idade e parou de crescer. Isso significa que ela conseguiu arranjar uma cadeira adequada que dure para que ela possa continuar perseguindo bolas e brincando com seus irmãos.

 

3 thoughts on “Cadela deficiente ganha cadeira de Legos feita por menino de 12 anos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *