Mulher dirige 10 horas para ajudar gata grávida e chega bem a tempo para a hora do parto

Uma gata chamada Harmony viveu durante toda sua vida nas ruas do centro de uma cidade canadense. Entretanto, nenhum dos moradores quis adotá-la, embora fossem muito amigáveis com ela.

A situação mudou quando, de repente, a gatinha apareceu grávida. Diversas pessoas tentaram resgatá-la e levá-la para um lugar seguro, mas ela sempre fugia e se escondia.

Gato resgatado

Leia também: Gatinha que foi abandonada coberta de formigas se recupera e cresce adoravelmente

Foi aí então que Cailey Seymour, fundadora da Dorset Rescue Kittens, recebeu diversos alertas sobre Harmony. “Um grupo de pessoas tentou pegá-la por algumas semanas sem sucesso, então eu fiz minha missão de resgatá-la”, relatou ela com o portal Love Meow.

Ela pegou emprestada uma armadilha de um colega de resgate e fez uma longa viagem até o local. “Quando cheguei, Harmony não estava em lugar nenhum. Fizemos um círculo e montamos a armadilha que estava no chão com a comida.”

A gata apareceu no beco por um breve momento, mas fugiu assim que viu a armadilha. Cerca de 15 moradores locais tentaram ajudar e encorajaram a equipe, afinal, já fazia algum tempo que a gatinha esguia era alvo deles.

Depois de esperar cerca de 30 minutos, mas sem sucesso, Cailey teve uma ideia brilhante e a pôs em prática. “Reproduzi um vídeo de gatinhos chorando, coloquei na armadilha e em 15 segundos ela veio correndo.”

Armadilha para gatos

Eles conseguiram proteger a gata e transportá-la para um lar adotivo. Foi um dia longo, mas gratificante, sabendo que Harmony estava finalmente segura. “Eu dirigi por 10 horas em um dia para alcançá-la. Foram quatro horas na ida e quatro horas de volta, com algumas paradas no meio”, disse Cailey.

Dois dias depois, eles foram recebidos com uma bela surpresa. Harmony deu à luz quatro gatinhos saudáveis ​​(três fêmeas e um macho) no conforto de seu lar adotivo. Assim, a voluntária soube que se a gatinha não fosse salva naquele dia, provavelmente teria tido seus filhotes nas ruas, aumentando a população de gatos sem lar.

Desde o início, os gatinhos mamaram vigorosamente e a mãe mostrou-se muito carinhosa e cuidada de todas as necessidades dos bebês.

Aos poucos, Harmony começou a mostrar sua verdadeira personalidade e passou a ter mais confiança com sua mãe adotiva, ela sabia que a haviam salvado a tempo. “Ela é muito doce, apesar de ter sido colocada dentro de casa pela primeira vez na vida.”

Durante as primeiras semanas, Harmony deu atenção total e todo o amor que ela poderia fornecer a seus preciosos filhotes. Ela mantinha os gatinhos bem alimentados e cuidava para que eles ficassem longe de acidentes.

Os irmãos felinos, Leanne, Brittany, Halli e Banksy, estão ficando mais brincalhões e travessos à medida que entram na fase de gatinhos desobedientes.

Enquanto eles estão ocupados brincando de lutar um com o outro ou correndo pela sala, a mamãe Harmony está sempre por perto tomando conta das pequenas pestes.

“Nós adoraríamos ver Harmony ser adotada por um de seus gatinhos. Ela tem sido uma ótima mãe e os está ensinando bem. Eles a seguem e muitas vezes podem ser encontrados abraçados”, Cailey compartilhou com Love Meow.

Leia também: Gatinho que foi colocado no forno por 15 minutos é regatado e está em recuperação

Harmony provavelmente sempre será um pouco quieta e tímida perto de pessoas novas, mas, no fundo, ela anseia por atenção e carinho.

“Não há um osso mesquinho em seu corpo e ela será uma companheira incrível para a pessoa ou pessoas certas.”

Graças ao resgate oportuno, a pequena família de cinco pessoas está prosperando como gatos domésticos. Em mais algumas semanas, eles estarão prontos para serem adotas por uma família amorosa.

One thought on “Mulher dirige 10 horas para ajudar gata grávida e chega bem a tempo para a hora do parto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *