Cadela perdida viaja mais de 160 km durante um mês tentando voltar para casa e reencontra sua família

A quantidade de cães que se perdem diariamente no mundo é absurda. Agora, você já parou para pensar em quantos deles voltam para casa e reencontram sua família ou até mesmo quanto tempo demoram para que isso aconteça? cadela

A cadela Ivy fez uma das caminhadas mais longas e traumáticas em toda a sua vida, depois de se perder seus humanos há quase um mês. Ela ficou desaparecida por aproximadamente 4 semanas e sua família não tinha a mínima ideia como ela estava ou mesmo se ela ainda estava viva.

Leia também: Menina de 8 anos viaja mais de 2km na neve para ajudar seu cachorro

O filhote viajou nada menos que 160 quilômetros e atravessou um estado, fazendo o trajeto de Sioux City a Omaha, em meio a uma das ondas de frio mais frias que atingiu os Estados Unidos nos últimos 25 anos. Quando ela foi encontrada, Ivy havia perdido entre 4 e 6 quilos de seu peso.

Depois que seus proprietários deixaram a porta aberta acidentalmente, Ivy aproveitou a oportunidade para dar um passeio que a desorientou e ela se perdeu. A família da cadela nunca desistiu e começou uma busca com a ajuda de várias instituições de animais, mas ninguém conseguiu localizá-la.

Por sua vez, Ivy caminhou 160 quilômetros por quase 30 dias, até ser encontrada por voluntários da Nebraska Humane Society, que lhe abrigaram temporariamente e compartilharam algumas fotos dela nas redes sociais, esperando que alguém a identificasse. Poucos minutos depois, seus proprietários já estavam em contato, pedindo-lhe que voltasse para casa.

Antes de voltar para casa, a viajante passou por um check-up para ver como estava sua saúde após a cansativa caminhada. Além de desnutrida, Ivy tinha uma ferida na axila devido a fricção da coleira, que está sendo tratada.

“Ela estava preocupada e com muita fome quando eles finalmente a trouxeram, mas quando ela viu sua mãe, ela imediatamente saiu correndo”, escreveu o abrigo em um post no Facebook.

Sua mãe, Hope, conta que a personalidade da cadela é muito diferente do que foi relatado pelo abrigo. “Para mim ela gosta muito de abraços. Ela é muito meiga, brincalhona. Mas se ela não conhece ninguém, fica automaticamente em guarda, late e arrepia os pelos das costas.”

Ivy já voltou para seu querido lar e tem a supervisão constante de um veterinário para sua recuperação. Ela deve ganhar vários quilos e se curar das feridas que sofreu durante toda aquela longa jornada e tempo em que esteve perdida.

Leia também: Mulher viaja mais de 1.300 km e gasta todas as economias para reencontrar cachorro perdido

O pior já passou e ela pode finalmente ter o abraço das pessoas que mais ama no mundo.

One thought on “Cadela perdida viaja mais de 160 km durante um mês tentando voltar para casa e reencontra sua família

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *