Chimpanzé de 59 anos se recusa a comer até reconhecer a voz de seu antigo cuidador

O vínculo de humanos com animais é extremamente emocionante e há inúmeras histórias emocionantes que mostram isso. Em abril de 2016, uma chimpanzé de 59 anos em estado grave de saúde chamada ‘Mama’ se recusava a comer e estava se preparando para morrer quando seu cuidador amoroso Jan van Hooff veio visitá-la. aaaa asase e easd

Chimpanzé doente não queria comer e reconhece a voz de seu antigo zelador

Leia também: Elefante reconhece o veterinário que o salvou 12 anos atrás quando estava prestes a morrer

Mama é a chimpanzé mais velha e a matriarca da colônia de chimpanzés do Royal Burgers Zoo em Arnhem, Holanda. Jan e ela são amigos desde a formação da colônia em 1972. Essa colônia é famosa por ser a base de pesquisas pioneiras envolvendo .o comportamento dos primatas e resultou no livro Chimpanzee Politics de Frans De Waal.

Mas um dia, quando Mama estava muito doente devido à sua idade avançada e não conseguia nem comer, o co-fundador da colônia e professor de biologia comportamental, Jan van Hooff, soube da situação do animal e voltou para visitá-la e dar um último abraço.

Mama reconhece Jan

O homem tinha um vínculo muito especial e notável com Mama .mas mesmo assim, a chimpanzé demorou para o reconhcer pois estava muito fraca e aparentemente aceitando seu fim. Demorou alguns minutos para o reconhecimento, mas assim que o fez, as emoções ficaram claras para todos nós vermos e elas são simplesmente lindas.

Mama se aproximou para abraçar seu velho amigo com um grande sorriso e .o momento emocionante foi registrado em um vídeo, disponível abaixo:

Leia também: Após seu antigo treinador falecer de câncer elefante viaja 25 km para ir ao funeral

Aquele esforço dolorosamente belo e sentimental exigiu uma grande quantidade de energia, mas Mama se agarrou ao amigo o máximo que pôde e estava realmente muito animada para vê-lo novamente. Infelizmente, a chimpanzé faleceu uma semana depois.

Descanse em paz, Mama!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *