Cachorrinho de 6 semanas é abandonado em caixa de correio e é salvo graças a mulher bondosa

Não é nada incomum recebemos correspondência que não estamos esperando, como aquelas de propaganda eleitoral, mas geralmente não é viva e respirando. Otilia Gaona e seu cãozinho Biscuit tinham a rotina de checar a caixa de correio durante a caminhada padrão vespertina. No entanto, um dia apareceu uma entrega que certamente foi uma surpresa para eles.

Cachorro negligenciado na caixa de correio

Leia também: Piloto de avião encontra cão que viajou mais de 2.500 km em 10 anos e o devolve para sua família

Era nada mais nada menos que um cachorrinho que foi colocado e preso na caixa de correio abafada, mal conseguindo respirar. Otilia nunca tinha visto nada parecido e ainda está tentando descobrir por que alguém faria isso com uma criatura viva. Mas o mais importante, ela é grata por ter encontrado o filhote antes que fosse tarde demais.

Quando a norte-americana abriu sua caixa de correio, ela se deparou com dois olhos doces e atentos olhando para ela. Ela conta que é comum cães de rua vagarem pela cidade, mas ela nunca testemunhou nada assim.

Cachorrinho na caixa de correio do Alabama

O pobre cachorro estava apavorado, ainda mais por ter aproximadamente apenas seis semanas. “O que você pensaria se tivesse 6 semanas de vida e seus antigos donos o deixassem para trás? Ele estava chorando”, relatou Otilia.

Sem hesitar, a mulher carregou o cachorrinho para casa e deu-lhe comida e água, que ele aceitou de bom grado. Ele estava claramente morrendo de fome. Afinal, quem sabe há quanto tempo ele ficou sozinho naquela pequena caixa de correio?

Depois de prestar os primeiros socorros para o pequeno cão, Otilia contatou o abrigo de animais mais próximo. Eles acolheram o cãozinho e estão prestando os cuidados médicos mais especializados de que ele precisa.

Infelizmente, sua salvadora não pode o adotar, mas ele ficará no abrigo até ser capaz de encontrar uma família definitiva que não o negligenciará e abandonará como seus humanos anteriores fizeram.

“Só fico triste que as pessoas não valorizem mais a vida”, disse Otilia. “Se você pode fazer isso com um cachorrinho indefeso, pode fazer com uma criança, pode fazer com outro ser humano. Isso é muito triste. Precisamos reaprender o valor da vida.”

Embora tenha passado por maus tratos, o filhote teve muita sorte da mulher estar em casa naquele dia. Se ela não estivesse fazendo sua rotina de conferir a caixa de correio, essa história provavelmente teria um final trágico.

Além disso, a mulher também quer ressaltar o fato que existem opções melhores se você não puder cuidar de seu cão. Os ativistas dos animais estão quase sempre dispostos a ajudar os pais de outros animais de estimação.

Caso isso não seja possível, a maioria dos abrigos e resgates aceita animais entregues sem perguntas. Qualquer coisa é melhor do que abandonar um filhote em um lugar onde ele pode não sobreviver.

Leia também: Após falarem que ela era muito velha para ter um cachorro, idosa ganha filhote de presente

Esperançosamente, este cachorrinho não fará parte das estatísticas e terá uma segunda chance na vida graças a Otilia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *