Menino de 9 anos anônimo salva raposa que caiu em poço sem se preocupar com sua própria segurança

Podemos esperar atos de coragem de bombeiros e médicos durante os meses mais difíceis desta pandemia, mas às vezes os heróis surgem de pessoas comuns como você ou eu. A notícia que trouxemos hoje retrata exatamente esse fenômeno. menino

Não se sabe muito sobre esse campeão anônimo, além do fato de que ele tem cerca de nove anos e mora no Iêmen. Os poucos detalhes que temos foram compartilhados no Reddit pelo usuário u/Thibson98.

Leia também: Cachorro que usa cadeira de rodas vira amigo de raposa cega e se torna seu cão-guia

Sem ter cordas ou outras ferramentas profissionais, o menino simplesmente conseguiu enganchar o animal em seu cinto. Mas o mais surpreendente dessa história é que o  que se vê pendurado em seu cinto é nada menos que uma pequena raposa, que caiu no fundo de um poço.

Contornando quaisquer medidas de segurança, e sem sequer considerar o quão alto a ação poderia custar-lhe se não corresse bem, o menino simplesmente desceu ao poço para ajudar o animal.

Com o animal pendurado com segurança em suas próprias roupas, o menino começou a escalar o poço usando apenas as mãos e habilidades de escalada impressionantes. É certo que o menino conseguiu chegar ao topo, pois a notícia circula pelas redes com o tom de mostrar um herói que conseguiu o que queria.

Embora a história nos conte sobre um menino que tem muita paixão e amor pelos animais, também nos faz questionar sobre a saúde dessa criança. Como não havia nenhum adulto por perto para impedi-lo de se submeter a esse nível de risco.

De qualquer forma, os sempre sardônicos usuários do Reddit celebraram o heroico menino de 9 anos. A comparação mais comum era com o próprio Batman, particularmente a cena do terceiro e último filme de Christopher Nolan, em que Bruce, mesmo ferido, consegue escapar da prisão.

Leia também: Labrador doce que sofreu maus tratos de menino de 12 anos recebe prêmio Hero Animal

Esperamos que alguns meios de comunicação locais busquem as informações mais detalhadas sobre a história. Não estamos apenas interessados ​​em saber se o resgate foi bem-sucedido, mas também a identidade do menino e o que seus pais pensaram de sua atitude.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *