Após ficarem separadas pela primeira vez em 13 anos, cadela e tutora que foi pro exército se reencontram

Já é um fato conhecido culturalmente que os cães são extremamente leais a seus donos. Apesar de já estarmos acostumados, assistir a um vídeo de um cachorro exibindo sua afeição eterna por seu humano sempre trará um sorriso em nosso rosto. cadela

Quando Hannah se alistou no exército, foi a primeira vez em 13 anos ficou longe de sua golden Buddy. Por mais difícil que fosse a separação, isso resultou em uma cena alegre do reencontro da mulher com sua companheira canina.

Leia também: Soldado servindo no exterior envia uma camisa para seu cachorro e ele tem reação emocionante

Hannah passou a maior parte de sua vida com Buddy, afinal, sua família a adotou quando ela tinha apenas oito anos. Em outras palavras, Buddy e Hannah cresceram juntos e puderam formar uma amizade duradoura e adorável.

Os corações de Hannah e Buddy doíam com a distância um do outro. Depois de passar três meses longe de casa para completar seu treinamento intensivo no exército norte-americano, Hannah pode voltar para casa por conta do Natal.

Logicamente, ela ficou feliz em ver sua família, mas estava muito mais animada para matar a saudade de Buddy. A pobre cadela, já idosa, sofre de deficiência auditiva e artrite, então infelizmente não percebeu Hannah no segundo a que a viu.

“Abrimos a porta da frente e ela saiu correndo e cumprimentou a mim e minha família”, disse Hannah ao portal de notícias Buzzfeed News. “Ela estava completamente oprimida e não conseguia nem ficar de pé.”

Entretanto, assim que a golden de 13 anos percebeu que a soldada se aproximando era Hannah, foi como se Buddy fosse um filhote de novo. A empolgação dela com o retorno de sua dona não pôde ser contida, nem mesmo por um momento.

Buddy, sem dúvida, só queria se deleitar com a presença de sua melhor amiga, então a abraçou o mais forte que podia. A cadela estava muito feliz por Hannah ter voltado do exército, e a soldada estava muito feliz por estar em casa com Buddy.

Aos treze anos, Buddy pode não ter muito mais tempo de vida. É por isso que momentos como este entre ela e Hannah são tão importantes. A mulher quer ser regada com o amor de sua companheira e retribuir o favor da mesma forma enquanto puder.

Leia também: Militar se reencontra com cadelinha que adotou durante missão no Iraque

“Meus pais ficaram muito surpresos com o quão feliz ela estava”, finaliza. “Ela tem dificuldade em subir e descer as escadas, mas agora que eu estava em casa Buddy estava tão feliz e ativa.”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *