Cãozinho travesso quase inunda casa e nem se arrepende!

O melhor amigo do homem é um dos animais mais adoráveis e inteligentes do mundo, mas também pode ser bem travesso às vezes. Nos EUA, um cãozinho danado quase inundou a casa do dono, depois de entrar escondido no banheiro e ligar a torneira.

Em seguida, deixou a torneira aberta e em poucos minutos, a casa quase foi inundada.

Sua casa só não ficou alagada porque seu dono chegou mais cedo para fazer um conserto em sua casa.

Shiner, um cachorro da raça ponteiro alemão de pelos curtos, com quase 4 anos de idade, recentemente aprendeu a abrir portas em sua casa em Skiatook, Oklahoma.

Sua dona, Paige Bodden, que é médica veterinária, foi quem postou o vídeo no seu Facebook, em que seu marido, Drew Bodden, interroga o suspeito.

Ela disse que chegou mais cedo em casa para procurar alguém para consertar a ventilação, o que foi a sorte, pois não teria visto a banheira, que já estava a ponto de transbordar.

As imagens mostram Shiner sendo interrogado pelo dono, ao lado de seus irmãos caninos Kevin, da raça Papillon e um pitbull chamado Thor.

Paige disse que a banheira estava prestes a transbordar.

Você abriu a torneira enquanto estávamos fora? Você quase inundou a casa. Você fez isso?”

Não tinha como o cãozinho negar que tinha cometido aquela arte, ele era o único que tinha aprendido a virar as maçanetas de porta, e a torneira se parecia com a maçaneta da porta.

Os outros cães, Kevin e Thor, ouviam atentamente o interrogatório com a consciência tranquila, afinal, eles não eram culpados, pois não sabiam abrir portas.

Paige acrescentou: “Honestamente, cheguei em casa e fiquei meio confusa com o som de água corrente. “Inicialmente eu pensei que fossem bandidos que estivessem em casa. Segui o som até o banheiro dos hóspedes e encontrei a banheira cerca de 0,3 mililitros de transbordar”.

Ainda bem que Paige chegou a tempo, né? Ah, Shiner danadinho…

Os cachorros sentem culpa?

Você já percebeu que quando seu cachorro apronta e você dá bronca, ele faz aquela famosa carinha de culpado? Cabeça baixa, orelhas pra baixo e um olhar tristonho.

Mas será que ele se sente culpado de verdade?

Mas, de acordo com especialistas em comportamento animal, essa carinha que o cachorro faz nada mais é que uma reação, devido à atitude de raiva que o seu dono demonstra em relação ao seu comportamento.

Bonnie Beaver afirma que é possível que o cachorro entenda que fez algo de errado, mas a punição ou bronca deve ser dada assim que ele aprontar. Quanto mais tempo demorar para o cão levar bronca, menos conexão ele vai fazer com aquilo.

Em 2009, a professora de psicologia da “Barnard College in New York City”, Alexandra Horowitz, foi quem fez um dos primeiros estudos científicos sobre a cara de culpa dos cães.

No estudo, 14 cachorros foram filmados para saber como eles reagiam quando seus tutores voltavam na sala depois de terem pedido para que não comessem um petisco. Cada cão passou pelo teste sozinho.

Eu descobri que a cara de culpa aparecia com mais frequência quando os tutores brigavam com seus cães, independente deles terem desobedecido sua ordem ou não. Não era culpa, mas a reação ao tutor que incentivou o olhar“.

Mas como sabemos que nossos animais de estimação são muito inteligentes, não duvidamos que eles entendem, sim, e que não importa o que digam, esses pequenos são danadinhos e sabem exatamente quando fazem algo errado, concordam?

Se gostou dessa matéria, compartilhe com seus familiares e amigos.

Fonte: legit.ng

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *