Enquanto sua família discutia sobre a herança, ele ficou trancado em um apartamento!

O pobre cachorrinho estava coberto por uma grande massa de pelos, encharcada de fezes e urina.

Coco, como foi batizado, havia sido totalmente negligenciado por um ano, enquanto sua família discutia sobre a herança, deixada por seu pai humano.

O cãozinho foi entregue para seus novos donos, depois que seu pai humano, Gore Zhdanov, faleceu aos 79 anos. Parentes começaram a discutir sobre a herança, e assim deixaram o cachorro no apartamento, onde morava com seu dono, Gore, por um ano apenas com comida e água.

Ele ficou lá por um ano, não lhe negaram água e comida, mas fora isso ele ficou abandonado. Depois de resgatado, foram preciso 6 pessoas para remover a massa de pelos que cobriam sua pele, demorando cerca de 3 horas e enchendo quatro sacos de 100 litros com pelos de cachorro.

Essa massa fedorenta de pelo o deixava se parecendo com um monstro, mas na verdade era um cachorro, que foi abandonado por um ano após a morte de Gore, e os novos donos se recusaram a cuidar dele.

O fiel animal de estimação recebeu comida e água, e teve acesso ao terraço para que não fizesse bagunça dentro da casa, mas estava em estado de abandono.

Quando as equipes de resgate foram finalmente chamadas, encontraram-no coberto por uma massa de pelo gigante, incrustado de fezes e encharcado de urina, que era tão pesada que o pobre animal mal conseguia se mover e respirar.

O abuso durou por um ano, até que eles chegaram a um acordo para vender a casa e chamaram a equipe de resgate de animais para buscá-lo.

Essas pessoas foram tão negligentes que eles nem sabiam o nome do cachorro, então seus salvadores o chamaram de “Coco”.

Depois de uma boa tosa e banho, toda a beleza de Coco apareceu, mas seu olhar era de tristeza ainda. Ninguém tinha percebido o quanto ele estava sofrendo por perder seu “pai” e ainda ficar esquecido como um objeto, jogado na varanda.

Agora eles esperam que Coco recupere as energias. Um especialista local neste tipo de cão está ajudando Coco e o alimentando com uma dieta especial, com vitaminas, para ajudá-lo a recuperar as forças.

Vitaly Kornilova, um dos salvadores de Coco, disse: “Ele mal podia andar, estava em um estado lamentável. Parentes nos chamaram para levá-lo porque decidiram que queriam vender o apartamento agora que a papelada da herança estava concluída”.

Cocos agora vive com Elena Rivvo, que o adotou e o colocou em uma dieta especial de vitaminas, a fim de ajudá-lo a ficar forte de novo.

Ficamos muito felizes e aliviados que o sofrimento desse cãozinho finalmente teve fim…

Por favor, compartilhe essa história com seus familiares e amigos.

Fonte: notasdemascotas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *