Bombeiro adota filhote e começa a treiná-lo para se tornar cão de busca e resgate da Corporação

Militares do Corpo de Bombeiros de Santa Catarina acolheram recentemente um filhote de 54 dias de vida que será treinado para se tornar um ‘cão de busca’ quando adulto.

Bob, como foi batizado, fará binômio (dupla entre bombeiro e cão) com o cabo Genivan Küll, que serve no quartel de Itapema (SC), pertencente ao 13º Batalhão de Bombeiros Militar, com sede em Balneário Camboriú.

Leia também: Cadelinha carente interrompe reportagem ao vivo para pedir carinho: ‘Só queria atenção’

“No quartel onde eu trabalhava anteriormente já havia um binômio. Eu esperava há 12 anos por isso, mas a tão esperada oportunidade surgiu quando vim transferido para Itapema, há aproximadamente sete anos. Assim, começou todo esse processo que deu certo”, afirmou Genivan.

O filhote nasceu em São Paulo e foi um dos 7 selecionados pelo cabo para fazer parte do Batalhão.

“O Bob se destacou pela energia e disposição dele, bem como pela coragem apresentada nos testes, que são características que buscamos em um cão para buscas. Além disso, o contato dele com humanos foi um ponto positivo”, comenta o cabo. “Outro ponto foi a sinergia que tivemos desde o início, que acredito ser um ponto importante para a nossa parceria”, acrescentou o militar.

Leia também: Cadelinha acolhe bebê cabra resgatada e cuida dela como se fosse sua própria filha

Daqui em diante, serão dias de intenso treinamento para preparar o Bob, que tem 54 dias de vida, para as certificações que ocorrem a partir dos 15 meses. Para atuar no CMBSC, tais certificações são obrigatórias para os cães.

“Eu tive um labrador, que infelizmente faleceu por conta da idade avançada, mas sempre fui muito ligado com a raça e com a área da cinotecnia, o que vai me ajudar com o treinamento do Bob e, em breve, nos deixar prontos para atender aos cidadãos”, lembrou.

De acordo com o portal Zoorprendente, Bob teve esse nome escolhido por conta de um desenho animado, dos anos 90, chamado “O Fantástico Mundo de Bob”.

One thought on “Bombeiro adota filhote e começa a treiná-lo para se tornar cão de busca e resgate da Corporação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *