Pônei abandonada pela mãe por ser pequena demais encontrou uma nova família entre os cães do rancho onde morava

Todos os especialistas em natureza e processos animais dizem que às vezes é preciso deixar a natureza seguir seu curso. Esta é uma forma simpática de dizer que às vezes devemos permitir que aconteçam coisas que podem parecer cruéis, até mesmo brutais. pônei

As pessoas tendem a ser muito mais misericordiosas do que os animais, dando uma segunda, até uma terceira chance aos animais nos quais parece que a natureza já perdeu a esperança. Assim foi com Peabody, uma pônei de fazenda que nasceu pequena demais, mesmo considerando que se trata de um cavalo em miniatura.

Leia também: Voluntários de abrigo resgatam 6 cachorrinhos que viviam amarrados em quintal semi-abandonado

Devido ao seu tamanho fora do comum, a mãe de Peabody a abandonou de lado desde muito jovem. Ela se recusou a alimentá-la, dando seu lugar aos irmãos. Felizmente para ela, a proprietária e gerente do rancho, Faith Smith, ficou inconformada com a situação e decidiu o convidar para morar com ela dentro de sua casa.

“Peabody é o menor cavalo do mundo em sua idade. Os cavalos nunca são animais dentro de casa, mas Peabody é tão pequena que ela nunca poderia viver fora, a menos que crescesse, e não temos certeza se isso acontecerá”, disse Faith Smith, no Facebook de Rucker Creek Miniature Horses.

A vida de Peabody mudou durante a noite quando ela se mudou para dentro da casa. Os três cães de Faith demonstraram por ela um carinho tão grande que a mulher se impressionou completamente, duvidando que eles fossem capazes de ser tão amorosos com a pônei.

Mesmo diante de toda a situação, Faith tem esperança de que Peabody possa atingir o tamanho de um pônei adulto. “Vou mantê-lo para sempre, mas espero que cresça para que eu possa sair com outros cavalos”, continuou ela. Se isso não acontecer, Peabody sempre será uma égua doméstica.

Uma história como essa é a prova da habilidade que as pessoas têm de ir além do que os animais são capazes, em termos de misericórdia e consideração pelos jovens que vieram à Terra em situações difíceis.

Leia também: Após seu antigo treinador falecer de câncer, elefante viaja 25 km para ir ao funeral

A história dessa adorável pônei, Faith Smith e seus amáveis cachorrinhos é a prova de que, com a vontade, qualquer animal pode ter uma vida boa, por mais que seus donos não queiram dar essa oportunidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *