Cadela se anima ao ver seus antigos donos no abrigo mas percebe que eles foram adotar outro animal

Semelhante aos humanos, os animais precisam de tempo para absorver a perda de um ente querido, seja um animal ou um ser humano, e superar a dor. Eles também podem passar por uma fase de depressão, tristeza ou ansiedade, mas se receberem tempo e atenção adequada, irão se recuperar e ser felizes de novo! cadela

Como se não bastasse lidar com o luto de ter perdido seu tutor, Zuzu, uma amorosa cadela de 2 anos da raça pastor alemão, precisou sofrer com a rejeição de quem ela acreditava ser sua família.

Leia também: Casal em luto por perder seu amado cão visita abrigo e decide adotar dupla inseparável de pit bulls

A vida não estava nada fácil para Zuzu. Enquanto suportava com extrema dificuldade a dor do falecimento de seu tutor, a cadela chorava por dias a fio e ficava deprimida o tempo inteiro. Infelizmente, tudo piorou quando tentou escapar de casa pulando a cerca e caindo no quintal de um vizinho.

O homem não estava entendendo nada e também não fez questão de descobrir da onde havia aparecido a cadela. Então, a única possibilidade que passou em sua cabeça foi, na hora da raiva, ligar para o controle de animais que levou Zuzu ao Downey Animal Care Center, na Califórnia.

Com as poucas informações que tinham, a equipe presumiu que a pastor alemão era um cachorro de rua e apenas a tratou como tal. Mas algo no fundo o diziam que estavam profundamente enganados.

Eles tentaram animá-la e se aproximar, mas ela estava muito nervosa e manteve distância. “Ela é uma garota amigável, mas senti tristeza e confusão”, disse Desi Lara, voluntária do Downey Animal Care Center. “A maioria dos cães correm pelo quintal. Ela andava suavemente, nervosa para olhar ao redor.”

A equipe do abrigo percebeu que sua intuição estava certa quando, um dia, uma família chegou ao abrigo para ver cães em potencial para adoção.

Assim que Zuzu os viu, ela enlouqueceu de empolgação. A cadela estava em êxtase, abanando freneticamente o rabo, seu rosto se iluminou e parecia completamente diferente. Era óbvio para qualquer um que a visse que ela os conhecia.

A família também parecia já conhecer Zuzu, pois se aproximaram da cerca e estenderam as mãos para acariciá-la. Por isso, a equipe achou que estava testemunhando um momento emocionante de reencontro e que, no final do dia, a cadela e seus antigos donos voltariam para casa juntos.

Mas não foi esse o caso. Eles disseram que estavam procurando outro cachorro. “Eles não a queriam de volta porque ela continuava fugindo”, disse Chapin, um treinador da Shelter Me, ao portal de notícias The Dodo.

Parece que seus antigos tutores não puderam dar a Zuzu o tempo que ela precisava para se curar após a morte do pai, nem lidar com sua depressão, então simplesmente preferiram adotar um novo cão para substituí-la.

Leia também: Cãozinho de luto caminha 3 km todos os dias até túmulo do dono falecido

Após tomar conhecimento do triste incidente, a organização de resgate Shelter Me levou Zuzu para outro abrigo. Eles estavam convencidos de que logo encontrariam um lar amoroso para ela, que não a veria como descartável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *