Cãozinho que foi deixado desnutrido em canil abandonado é encontrado: ‘Fiquei feliz por ser resgatado’

É uma irresponsabilidade sem tamanho abandonar um animal de estimação nas ruas, mesmo quando existem milhares de abrigos dedicados acolhê-los. Recentemente, o caso de Gator, um cão de 6 anos que foi deixado dentro de um canil abandonado, sem poder sair e com dificuldades para sobreviver, causou comoção aos amantes de animais.

Leia também: Casal de cães se une para enfrentar a dura realidade das ruas e são inseparáveis mesmo depois do resgate

Segundo o Saanich News, este canino foi encontrado em um abrigo em Vancouver, Canadá, em condições extremamente precárias. Depois de meses de negligência, sem receber nenhuma ajuda ou atenção, Gator estava sujo, faminto, fraco demais para andar e seu pelo precisava ser tosado urgentemente.

Foram os ativistas da Sociedade de Prevenção da Crueldade aos Animais (SPCA) os encarregados de resgatar o peludo, cuja raça não pôde ser identificada em um princípio.

A equipe relata que Gator foi encontrado em um canil cheio de urina e fezes. Fora isso, as condições indicam que, além dele, as pessoas sem coração que o abandonaram, não o deixaram sozinho. Porém, infelizmente, a ajuda não chegou a tempo e o outro cãozinho já havia falecido.

Após o resgate, o pequeno foi levado para fazer uma série de exames com urgência, pois os voluntários do abrigo não sabiam qual era a real gravidade de seu estado de saúde.

Descobriram que Gator tem muitos problemas médicos devido à negligência, incluindo um abcesso de ouvido e doença oral de grau 4. Ele precisará fazer uma dieta especial para ajudá-lo a recuperar um peso saudável, com o custo total do seu tratamento é de aproximadamente U$6.000, aproximadamente R$30.000 reais na cotação atual.

Para se ter noção, sua situação era tão delicada que o cãozinho precisava ser alimentado e hidratado com líquidos via intravenosa e precisou passar por uma longa sessão de remoção de 4 kg de pelo emaranhado

Mas embora seu estado seja lamentável, Gator vem mostrado estar disposto a se recuperar e mostrou alegria recebendo ajuda de seus cuidadores. “Você pensaria que Gator mudaria por causa do que aconteceu com ele, mas ele é um amor”, disse Jodi Dunlop, gerente da SPCA em Vancouver.

Leia também: Cãozinho com rosto desfigurado e que foi maltratado é adotado por mãe amorosa

“Ele está muito grato por ter sido salvo, ama absolutamente as pessoas e atenção”, acrescentou. Agora, esperamos que esse cãozinho se recupere tanto físico quanto emocionalmente para que possa passar pelo processo de adoção.

Tudo que Gator e qualquer outro animal merece é encontrar uma família que o ame genuinamente!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *