Cadela pit bull vira amiga de pássaro ferido e o defende de gatos que tentavam machucá-lo

Os animais têm um instinto maternal desenvolvido, até mais do que o nosso por vezes. Não são poucas as mães no reino animal capazes de ir muito longe com seus filhos, embora também, às vezes sejam capazes de muita frieza. Mas para cada gato que abandona um cachorrinho da ninhada que acabou por ser fraco, existe outra mãe canina ou felina que nos surpreende com o carinho que demonstrou. cadela

Foi o que Pepper, uma cadela da raça pit bull, que mora com sua tutora na vila de Hook, no norte de Hampshire, Inglaterra, mostrou quando encontrou um passarinho que precisava de sua ajuda.

Leia também: Golden retriver bondoso dá carona de volta à costa para pequena marmota encalhada

Contra todas as probabilidades, o bebê que o filhote encontrou não era um cão, muito menos o filhote de um dos outros animais que vivem em sua casa. Era um pardal bebê que havia se afastado da mãe e caído do ninho, precisando de ajuda o mais rápido possível.

As condições eram agravadas tendo em vista que a casa, em cujo quintal ficava o ninho dos pardais, tinha vários gatos de estimação. Foi aí que Pepper entrou em ação, indo resgatar o pequeno pardal e o levando consigo com muito cuidado para um lugar mais seguro.

“Pepper sempre foi muito maternal. Ela saiu de seu caminho para ajudar esse filhote, trazendo-o para dentro de casa e garantindo que nossos gatos não colocassem suas garras nele”, disse Elisha Jamieson, proprietária da cadela, para o jornal Metro. “O veterinário nos disse que o pássaro quase certamente teria morrido se não fosse por Pepper.”

O que a pit bull fez foi manter o filhote dentro de sua caminha, de onde ela perseguiu os felinos até a chegada da anfitriã. Levando o pássaro ao veterinário, eles descobriram que ele não tinha ferimentos graves, e então o levaram para um santuário onde ficariam encarregados de criá-lo e dar-lhe as oportunidades que ele perdeu quando se afastou de sua mãe.

Leia também: Pit bull que passou por maus tratos encontra amizade inesperada em coelha gigante: ‘Conexão instantânea’

Se não fosse por essa adorável cadela, nada dessa história teria acontecido: só teríamos um gato muito gordo depois de devorar um banquete.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *