Golden retriever amorosa acolhe ninhada de cabritos resgatados por sua tutora

Assim como nós, os animais podem formar belas amizades e laços especiais com outros animais com os quais não guardam nenhuma relação. Conheça a história dessa cadela amorosa que tomou para si a responsabilidade de cuidar de todos os filhotes que sua tutora leva para casa.

Leia também: Gatinha com instinto materno acolhe filhote abandonada com apenas duas semanas de vida

Loryn  é uma cadela amorosa da raça golden retriever que leva seu trabalho na fazenda muito a sério. Sua tutora, Andrea, é conhecida por trazer filhotes de todos as espécies para casa. O mais interessante é que Loryn assumiu o dever de ajudar a criar cada um.

De acordo com sua dona, não importa qual animal levasse para casa para adicionar à fazenda de sua família, Loryn sempre quer estar na primeira fila para acolhê-lo. Por isso, não foi diferente quando Andrea adotou cinco cabritos para adicionar ao seu clã.

A partir do momento em que Loryn viu seus novos amigos caprinos, ficou claro que essa seria uma amizade como nenhuma outra. Sendo sempre amável, a cadela imediatamente assumiu o papel de mãe e começou a apoiá-los em qualquer coisa que surgia em seu caminho.

Mia, Henry, Delilah e Daisy Mae admiravam a amorosa golden em tudo o que faziam e a seguiam como patinhos seguindo sua mãe. Andrea ficava continuamente maravilhada com o vínculo inabalável que eles formavam com o passar dos dias.

Os cabritos cresceram e se tornaram adultos, mas ainda permanecem próximos. O crescimento da ninhada só abriu a porta para outras criaturas que precisam do amor maternal de Loryn, e desde então ela ajudou a criar vários outros animais de fazenda.

Loryn ajudou a criar gatinhos, pintinhos, cães e até pássaros. Não há limites para o amor que ela tem a oferecer, e Andrea ama a imensa compaixão que Loryn dá a cada bebê que cruza seu caminho.

Leia também: Gatinha doente faz amizade inesperada com husky que a ajuda a se curar: ‘Se tornou mãe dela’

Não temos dúvidas de que esta adorável cachorrinha continuará a receber filhotes de qualquer espécie de braços abertos, e mal pode esperar para ver quem ela adotará em seguida.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *