Militares comovidos com cães de rua transformam base em abrigo para resgate no México

O abandono de animais é uma das situações a que poucas pessoas prestam atenção, pois embora possamos ajudar um ou dois cães em situação de rua, existem centenas deles à procura de uma nova família. Alguns militares mexicanos fizeram questão de ajudar os pequenos em questão.

Durante a construção de um aeroporto na Cidade do México, os oficiais perceberam o grave problema dos cães que foram abandonados nas ruas. Diante dessa situação, eles permitiram que sua base militar lhes desse abrigo e encontrasse famílias.

Leia também: Após ser resgatado e devolvido para abrigo, cocker spaniel se torna farejador da polícia

Durante a construção do Aeroporto Internacional Felipe Ángeles, na Cidade do México, foi possível identificar um problema no meio da obra: muitos cães abandonados chegavam as instalações em busca de comida, água e um lar que os acolhessem.

No entanto, apesar de serem bem recebidos pelos trabalhadores, não era um lugar adequado para os pequenos. Devido às grandes máquinas, veículos e demolições que são clássicos em um local de obras, era extremamente perigoso para animais.

“O abrigo surge dos problemas que o campo militar apresentou com a construção da grande obra do aeroporto, quando muitos civis e militares entraram e o grande afluxo de pessoas, muitos cães vieram em busca de refúgio e comida”, conta a Segunda Tenente Karla Medellín.

Diante da situação comovente, os militares de uma base próxima ao aeroporto em construção, a Base Aérea de Santa Lucía, decidiram fazer um planejamento decente de como manter esses cães não só seguros, mas também com a oportunidade de encontrar uma família amorosa.

“Por isso, se pensou em dar-lhes um local onde pudessem se refugiar, poderíamos dar-lhes uma casa temporária para evitar acidentes, bem como atropelamentos, mortes por qualquer situação com os nossos veículos”, continua Karla Medellín.

O planejamento durou mais de um ano e desde abril, cidadãos mexicanos já podem visitar o abrigo ‘Los Perritos de Santa Lucia’. Esse é o nome que os militares escolheram para receber todos aqueles cães da construção civil, que já contam com mais de 160 caninos resgatados e 50 adoções.

Por sua vez, Karla convida os mexicanos a darem a um cachorrinho a oportunidade de um lar. No entanto, todos os adotantes devem cumprir certos requisitos para levar um pet: uma cópia do título de eleitor, um comprovante de endereço e preencher o formulário de adoção.

Por fim, após a adoção de um dos cães, os funcionários do abrigo se encarregam de fazer três visitas durante três meses para verificar em que estado se encontram e se conseguiram se adaptar ao novo lar. Além disso, a equipe do abrigo aconselha os interessados ​​em escolher o filhote mais adequado de acordo com suas habilidades.

Leia também: Militar se reencontra com cadelinha que adotou durante missão no Iraque

Dar um lar a um cão resgatado é um compromisso para a vida toda. Estamos muito felizes que esses oficias mexicanos tenham tomado essa bela atitude de se preocupar com os animais menos favorecidos. Vale lembrar que você também pode fazer a sua parte e adotar um cãozinho abandonado em sua rua!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *